terça-feira, 23 de abril de 2013

RAÇA ELEITA - SÉRIE: OS MARAVILHOSOS PRIVILÉGIOS QUE CARACTERIZAM O POVO DE DEUS (Parte 1)


Vós, porém, sois raça eleita, sacerdócio real, nação santa, povo de propriedade exclusiva de Deus, a fim de proclamardes as virtudes daquele que vos chamou das trevas para a sua maravilhosa luz; vós, sim, que, antes, não éreis povo, mas, agora, sois povo de Deus, que não tínheis alcançado misericórdia, mas, agora, alcançastes misericórdia. 1 Pedro 2.9,10

O grande general chinês Sun Tzu, “A Arte da Guerra (IV a.C)” diz: “Aquele que conhece o inimigo e a si mesmo, lutará cem batalhas sem perigo de derrota; para aquele que não conhece o inimigo, mas conhece a si mesmo, as chances para a vitória ou para a derrota serão iguais; já aquele que não conhece nem o inimigo e nem a si próprio, será derrotado em todas as batalhas" A tese desse grande general é que para se tornar um vencedor, é primordial o conhecer a si próprio!
Pedro escreveu sua Epístola aos forasteiros da dispersão, ou seja, para o povo de Deus que estava espalhado, disperso, vivendo fora de sua pátria, nas regiões do Ponto, Galácia, Capadócia, Ásia e Bitínia (1.1). Pedro escreveu para estes cristãos, com o fim de encorajá-los e animá-los na fé cristã, apesar das perseguições e adversidades que estavam sofrendo (1.6-7; 3.13-17; 4.12-19; 5.8-9). Ele usa vários termos para despertar nos seus leitores a necessidade de não se amoldarem aos valores que se opõem à vida e aos aos valores de Deus. Ele diz: “... não vos amoldeis às paixões que tínheis anteriormente na vossa ignorância;” (1.14).
É por isso que é muito importante a expressão inicial em 2:9, pois, ela traça um contraste com aqueles que se  amoldam aos valores do mundo. Pedro usa a expressão “vós, PORÉM,” esta expressão é especial porque através dela, Pedro indica há uma clara ruptura entre os incrédulos desobedientes e o povo de Deus.
Todo cristão enfrenta diariamente desafios terríveis, que, somente podem ser combatidos eficazmente, se houver a consciência DAQUILO QUE NÓS SOMOS EM CRISTO JESUS.
Pedro, então, apresenta 04 MARAVILHOSOS PRIVILÉGIOS QUE CARACTERIZAM O POVO DE DEUS – Quais são estes privilégios? Pedro diz: VÓS, PORÉM, SOIS: 1) RAÇA ELEITA, 2) SACERDÓCIO REAL, 3) NAÇÃO SANTA, 4) POVO DE PROPRIEDADE EXCLUSIVA DE DEUS. Esses são os 04 privilégios – Nosso estudo visa entender o que significa cada um desses privilégios.

1º PRIVILÉGIO – RAÇA ELEITA
Pedro nos diz que é necessário “conhecer a nossa origem”. De onde viemos?... De quem nós fomos gerados? Este é o primeiro passo para que o cristão possa estar preparado para enfrentar os revezes da vida.
RAÇA (do grego "genos") SIGNIFICA “geração", "linhagem", "ascendência", isto é, “a sucessão de descendentes (gerações) a partir de um único antepassado que deu origem àqueles indivíduos”. Da palavra genos derivou a expressão "gene" para o português, de onde vem o termo GENÉTICA. GENÉTICA é "a porção de um cromossomo, considerada como a unidade hereditária responsável pela transmissão das características hereditárias de uma geração para a seguinte". Ou seja, gene está relacionado ao código genético ou DNA. A ciência afirma que este código contém toda a informação necessária para a formação e funcionamento de um organismo vivo, ou de maneira simples, a "linguagem" da vida.
É INTERESSANTE... Você já percebeu que cada raça diferente possui suas peculiaridades que envolve o seu semblante, sua cultura, costumes, alimentação, hábitos, idioma? Cada pessoa carrega consigo os hábitos, o idioma, as preferências e costumes inerentes do país em que nasceu e/ou viveu e foi educado...
Eu me vejo muito no meu filho Gabriel; no jeito de andar, de falar... É a minha genética que está nele; e até certo ponto ele não tem como escapar dela... É A VOZ DA RAÇA – É O GRITO DO MEU CÓDIGO GENÉTICO.
É isso que Pedro quer dizer aqui... nós somos raça... GENOS - GENE... GENÉTICA. Nos tempos de aflição e de dispersão é necessário que os cristãos entendam que eles possuem uma natureza SINGULAR...
Veja o que diz 1 João 3.9: “Todo aquele que é nascido de Deus não vive na prática de pecado; pois o que permanece nele é a divina semente (Semente de Deus – DNA DIVINO); ora, esse não pode viver pecando, porque é nascido de Deus”. Ver também 2ª Pe. 1:4. Veja bem, isso não quer dizer que sejamos deuses, mas, que a natureza de Deus, em Cristo Jesus, foi colocada em nós. Nós temos agora, em Cristo, uma nova natureza, uma nova identidade espiritual.
O que Pedro quer dizer é que mediante a obra da cruz, Deus arrancou nosso “coração de pedra” e nos deu um novo coração (Jr 31:33; Ez 36:26-27). Deus introduziu no nosso interior uma nova natureza; um novo espírito, uma Vida Nova; a Vida de Deus, o "DNA de Deus”! Agora temos um “Novo Código Genético Espiritual”; somos uma “nova raça”, uma nova "geração", ALELUIA. CONHEÇA DE ONDE VOCÊ VEIO, E VOCÊ TERÁ FORTE CAPACIDADE DE SUPERAR AS LUTAS DIÁRIAS, E NÃO SE AMOLDAR À VIDA E AOS COSTUMES DA PRESENTE ERA.

Contudo, Pedro não para aí... SOMOS ALÉM de nova raça; somos TAMBÉM, uma raça, uma geração ELEITA!
O adjetivo "eleita" (do grego eklektos), significa "escolhido", "juntado", ou, "algo que Deus separou e tomou para si".
Então, o que vem a ser uma "eleição"? É o ato de alguém "eleger" ou SELECIONAR ALGUÉM PARA SI dentre um grupo de pessoas.
Pense bem neste privilégio: dentre todas as criaturas do universo, todo aquele que é nascido de novo foi, de antemão, escolhido pelo Deus Criador para “RECEBER A SEMENTE DIVINA, O DNA DE DEUS”, e se tornar uma nova criatura, Seu filho! Veja Romanos 8.29,30: “Porquanto aos que de antemão conheceu, também os predestinou para serem conformes à imagem de seu Filho, a fim de que ele seja o primogênito entre muitos irmãos. E aos que predestinou, a esses também chamou; e aos que chamou, a esses também justificou; e aos que justificou, a esses também glorificou”.
Todo genuíno cristão deve ter a convicção em seu interior de que ele é um eleito; um escolhido de Deus. Na hora da provação ele deverá se lembrar que ele tem em si a semente de Deus, pois ele é "raça eleita"!
Aguarde o próximo estudo continuaremos. Trataremos sobre algumas características desse 1º Privilégio, o privilégio de sermos escolhidos por Deus, sermos raça eleita.

Nenhum comentário:

Postar um comentário