domingo, 25 de julho de 2010

ENFRENTANDO AS FORNALHAS DA VIDA


Texto: Daniel 3.1-26
19 Então, Nabucodonosor se encheu de fúria e, transtornado o aspecto do seu rosto contra Sadraque, Mesaque e Abede-Nego, ordenou que se acendesse a fornalha sete vezes mais do que se costumava.
20 Ordenou aos homens mais poderosos que estavam no seu exército que atassem a Sadraque, Mesaque e Abede-Nego e os lançassem na fornalha de fogo ardente.

Estudando este texto fui levado a um período muito difícil na minha adolescência; trabalhávamos nos fornos quentes, retirando tijolos e telhas dos fornos quentes, tivemos colegas que morreram por choque térmico.

Fornalha era o lugar usado para assar os tijolos (Gn 11.3). Conforme Jeremias 29.22, execuções nas fornalhas não eram também incomuns.

A Fornalha era símbolo de prova, luta e sofrimento.

O texto em mãos nos informa que 03 jovens (Sadraque, Mesaque e Obede Nego) enfrentaram a fornalha ardente, na verdade foram lançados amarrados lá dentro. E o que nos impressiona neste texto é a forma como estes 3 jovens voluntariamente se permitiram ser lançados na “fornalha ardente, demonstrando um dos mais impactantes testemunhos de fé, de convicção e de coragem em toda a bíblia e mais em todos os tempos.

Talvez você esteja enfrentando “fornalhas”: fornalha da crise conjugal, fornalha das dívidas, fornalha da solidão, fornalha da enfermidade ou ainda a fornalha do desemprego.

Daí nosso tema de hoje “Enfrentando as fornalhas da vida”. O texto de Daniel 3:1-30 nos ensina “AS 07 LIÇOES DA FORNALHA:”



1- ATÉ BONS CRENTES TAMBÉM SÃO LEVADOS ÀS FORNALHAS – 19-21

Quem eram esses homens, eram nobres? Gente de fina estirpe, compromissados seriamente com Deus desde a juventude (Dn 1:7 novos dos nomes – 17-20 inteligência singular).

Mulher orando no fundo da igreja pedindo a Deus para livrar seu filho das fornalhas ardentes – ouve gargalhadas – era Deus; eu não livrei o meu filho, santo e justo, livrarei o seu? Ore: “Deus de humildade para não se manter soberbo diante das fornalhas, dê perseverança, para se cair não desanimar, dê sabedoria para aprender a crescer...”

Talvez haja pessoas aqui que se perguntam, porque isso aconteceu comigo? Essa pergunta deve mudar de direção: Porque isso não poderia acontecer com você?O que há de especial em ti, você se acha intocável, impermeável?

Jó, um homem que a bíblia chama de irrepreensível, excelente pai, homem que se desviava do mal... enfrentou uma fornalha terrível, foi consumido por uma enfermidade do alto da cabeça à planta dos pés. Paulo foi apedrejado e chicoteado e preso...1ª Co. 4:9-11 – 2ª Co. 11:24-27. Diz a bíblia que até o nosso Senhor Jesus, enfrentou sua fornalha, foi moído pelas nossa iniqüidades; suou gotas de sangue...



2- AS FORNALHAS PODEM ACONTECER COMO RESULTADO DE NOSSA FIDELIDADE A DEUS – 1-12

Às vezes podemos achar que a fornalha acontece por causa da nossa desobediência; mas nem sempre e assim.

Os discípulos no mar da Galiléia enfrentaram a tempestade por obedecer a ordem de Jesus – Foi Jesus quem disse: “passemos para a outra banda do mar”; e eles obedeceram. Em Atos 16:16-24, registra-se que Paulo também tomou uma surra de varas, foi preso e colocado no tronco por obedecer a Deus ao ter expulsado o demônio da adivinhação de uma menina.

Durante o exílio babilônico, o rei Nabucodonosor erigiu uma imagem de ouro de trinta metros de altura e quase três de largura e ordenou que todos a adorassem. Eles não a adoraram. A notícia dessa desobediência deixou o rei extremamente furioso, que ordenou que eles fossem lançados na fornalha.

A sua obediência e fidelidade a Deus não são um antídoto contra a fornalha. Isso que estão ensinando por aí de que basta ser fiel a Deus todos os seus problemas se acabaram é mentira!

Eu quero dizer que é perigoso ser fiel a Deus... Você quer pagar o preço? Estais dispostos a serem batizados com o batismo com o qual haverei de ser batizado, estais dispostos a beber o cálice que eu beberei?



3- AS FORNALHAS EXISTEM PARA TESTAR AS NOSSAS CONVICÇÕES – 15 – “E quem é o deus que vos poderá livrar das minhas mãos”

Você consegue perceber que Nabucodonozor confrontou as convicções da confiança e da coragem deles em enfrentar situações, ainda que sejam as mais terríveis, em nome desse Deus?

Até aonde estamos dispostos a ir em nome de Deus – por amor a Deus – e, relação as nossas crenças na fidelidade desse Deus. Uma coisa é dizer: Deus é fiel – uma coisa é colocar o adesivo no carro: Deus é fiel; OUTRA COISA É EXPERIMENTAR A FIDELIDADE DE DEUS NO MEIO DA FORNALHA!!

3- A FORNALHA EXISTE PARA PROVAR A NOSSA CONFIANÇA

31.- As Fornalhas testam a nossas confiança

3.2- As Fornalhas testam a nossa confiança

• As “fornalhas” da vida tentam roubar a nossa confiança, a nossa coragem e derrubar as nossas convicções, os nossos valores.

• Podemos entrar em desespero- Não vemos, contudo, uma atitude de desespero em Sadraque Mesaque e Abede-Nego. Vemos equilíbrio.

• Sadraque Mesaque e Abede-Nego não demonstraram ansiedade quanto ao futuro. Eles confiavam em Deus e em sua providência. Eles assim disseram: “Senhor, deixamos os resultados em tuas mãos”.

Não é fácil lidar com a dor da fornalha. Podemos correr o risco de abrir mão dos nossos valores diante das fornalhas- Se não entendermos a “fornalha” como tratamento divino, podemos nos afastar de Deus.

É por isso que Muitos, nesta hora, perdem a cabeça cometendo grandes loucuras. Olhem para as palavras de Sadraque, Mesaque e Abede-Nego: “Agora, pois, estais dispostos e, quando ouvirdes o som da trombeta, do pífaro, da cítara, da harpa, do saltério, da gaita de foles, prostrai-vos e adorai a imagem que fiz…” (vs.15).

Diante das fornalhas da vida precisamos confiar em Deus (vs.17). O comportamento destes três jovens, instigam-nos a ter uma atitude de “CORAGEM” (vs.17-18). Na Bíblia temos 366 “Não temas”, ou seja, um para cada dia do ano, eum para dizermos a alguém. Paulo escreveu para Timóteo: “ Porque Deus não nos tem dado espírito de covardia, mas de poder…” (II Tm 1.7).

3.3- As Fornalhas nos dizem quem realmente somos – Quem é você? Quem somos nós? Qual é a sua verdadeira face? Somos um bando de maricas, de gafanhotos, de ratos, de covardes, ou somos corajosos e confiantes no Senhor... Se o Senhor a quem servirmos quiser nos livrar ele nos livrará, senão...



4- O LIVRAMENTO DA FORNALHA NÃO É UMA REGRA ABSOLUTA – 17- especialmente o 18

Os discípulos estavam convictos do fato de que eles poderiam morrer naquela fornalha, e o fato deles morrerem ali, não significaria derrota. Cuidado com a teologia de que Deus vai te livrar em toda e qualquer situação, isso não é verdade.

João Batista teve a cabeça cortada e oferecida em bandeja de prata Sansão teve os olhos vazados e mesmo quando matou ao final morreu entre os escombros. Pedro e Tiago foram presos juntos, Deus livrou a Pedro, mas Tiago foi degolado. Há uma lista de heróis da fé que em termos humanos não obtiveram nada! Ler Hebreus 11: 35-39

COLISEU

TORTURAS

IDADE MÉDIA

QUEIMADOS

NA CHINA ATUALMENTE – PÓS JOGOS OLÍMPICOS



5- DENTRO DA FORNALHA, MILAGRES INCRÍVEIS PODEM ACONTECER – 17-18 (especialmente o 17) -

Parece que este ponto é contrário ao anterior, mas não é. O que e que os discípulos querem dizer que mesmo que Deus não queira livra-los há a possibilioade de um milagre.

É por isso que dentro da fornalha corremos pelo menos 2 riscos.

1) O Risco da acomodação: Dentro da fornalha não podemos sepultar os nossos sonhos

2) O Risco do fatalistas diante das fornalhas- gente que entrega os pontos. Ah, é assim mesmo, é “decreto de Deus; é o destino, é o meu Carma”. Quem diz: “eu nasci assim, vou viver assim vou ser sempre assim, Gabriela”, é hinduísmo, não cristianismo. Assista a novela das 8, com cuidado! O cristianismo crê num Deus que opera maravilhas Aleluia!

Quem diz: “pau que nasce torno nunca se endireita” é Allan Kardec, não Jesus Cristo! O cristianismo crê num Deus que pode operar maravilhas, milagres incíveis mesmo dentro da fornalha, Aleluia!

A atitude desses jovens foi outra: “Se o nosso Deus, a quem servimos, quer livrar-nos, ele nos livrará da fornalha de fogo ardente e das tuas mãos, ó rei” (vs.17). Eles Criam na possibilidade do milagre.

Devemos lembrar que são nas fornalhas da vida que os grandes milagres acontecem (vs.26-29 – ESTE É UM DOS MAIORES MILAGRES DA BÍBLIA – 1) não foram queimados (guardas morreram só de joga-los - 22) 2) Não chamuscou cabelo, roupa ou cheiro de fumaça; 3) Nabucodonozor mudou o decreto e honrou ao Deus de Israel.

Seu casamento está na fornalha? Eu quero dizer para você que Deus pode da cova restaurar os seus sonhos – restaurar o seu casamento, o relacionamento com o seu filho. Eu creio que hoje Ele fará maravilhas sobre a sua vida.

ENTÃO:

A) Não seja Incrédulo diante das “fornalhas” – A incredulidade é como um torno que encolhe os braços de Deus para nos abençoar. Veja o que Diz Tiago 1:6-8: Peça, porém com fé, em nada duvidando; pois, o que duvida é semelhante à onda do mar, impelida e agitada pelo vento. NÃO SUPONHA TAL HOMEM QUE ALCANÇARÁ DO SENHOR ALGUMA COISA. Homem de ânimo dobre, inconstante em todos os seus caminhos!

B) Não coloque os olhos nas “fornalhas”. Este era o erro do exéricto de Davi e Davi

C) Não se conforme com a fornalha - O meu problema é insolúvel... Não há nada a ser feito... NÃO, NÃO, NÃO!

D) Pare de TENTAR limitar o poder de Deus- “Mas ele respondeu: Os impossíveis dos homens são possíveis para Deus” (Lc 18.27). “Pois nada é impossível para Deus” (Lc 1.37).

E) Viva pela regra do Como diz o Pastor Jeremias Pereira da Silva (8ª IPBBH): “Espere o improvável, o indizível, o que está fora do seu controle. Ore por assuntos e temas humanamente falando, impossíveis de acontecer, que, quando a resposta chegar, todos terão de dizer: “Isso só pode ter sido Deus”.



6- CRISTO NÃO NOS ABANDONA SOZINHOS NO MEIO DA FORNALHA – 24,25

As piores fornalhas a se enfrentar são aquelas que enfrentamos sozinhos (Cristo reclamou isso como os discípulos no Getsêmani – não pudeste vigiar sequer uma hora comigo?)

Só que o texto nos informa que no meio da fornalha havia um quarto homem com eles (vs.25).

• O Senhor estava com eles no fogo. Esta é a verdade: mesmo que estejamos numa fornalha, sempre estaremos em boa companhia. O salmo 23.4 diz: “ainda que andemos no vale da sombra da morte não temeremos mal nenhum, pois, não estaremos sozinhos, TU ESTÁS COMIGO”.

• Êxodo capítulo 33 Deus convida Moisés a subir no monte Sinai. A cada etapa da subida Moisés aprendia mais acerca de Deus. O Senhor revelou sua santidade nas densas trevas da nuvem, no fogo, nos relâmpagos e nos trovões. Em seguida, mostrou sua justiça ao dar ao povo os Dez Mandamentos. Porém, a revelação mais importante foi a seguinte: “A minha presença irá contigo, e eu te darei descanso” (Êxodo 33.14). Minha presença! Presença no hebraico quer dizer “face”. A face do Senhor com o seu olhar vigilante não abandonaria o seu povo. Ele estaria com eles.

Por pior que seja a sua fornalha, saiba, o senhor com a sua presença estará sempre ao seu lado.



7- AS FORNALHAS EXISTEM PARA NOS LEVAR A UM NÍVEL MAIS ELEVADO DE INTIMIDADE COM DEUS -

A bíblia não relata mais nenhuma palavra destes 03 jovens, Na verdade palavra alguma descreveria aquele momento. Eles não eram mais os mesmos. Quem ousaria falar alguma coisa contra estes homens? Deus como que “hipermeabilizou-os”, lacrou-os “hermeticamente” contra o fogo.

Deus se utiliza das próprias fornalhas para nos levar a um nível mais elevado de intimidade com ele. Aleluia. Você está passando pela fornalha?

Enfrente a fornalha confiando que Deus não deixou de agir milagrosamente em nossos dias. O tempo dos milagres não cessou. Deus não encolheu a sua mão. Ele não abdicou do seu poder. Ele pode tudo quanto ele quer. E, quando ele age, ninguém pode detê-lo.



CONCLUSÃO:

Eu vim hoje aqui para orar por você – Você que tem enfrentado fornalhas na sua vida!

3 comentários:

  1. Maravilhosa mensagem!
    Jamais saberemos o resultado de uma fornalha..., a única possibilidade mesmo é a confiança na graça de Deus. Ela providenciará, se Deus quiser, a IMPERMEABILIZAÇÃO FOGO! "(...)quando passares pelo fogo, não te queimarás, nem a chama se arderá em ti", (Isaías 43.2)

    ResponderExcluir
  2. Boa tarde Pastor. Não sei se esta postagem chegará as suas mãos, mas tentarei assim mesmo.
    Meu nome é Helen. Sou nascida e criada em berço evangélico e agradeço a Deus por isso. Meus pais procuraram conduzir a mim e meu irmão dentro dos preceitos do Senhor. Sempre fomos muitos unidos eu, meu irmão, meu pai e minha mãe. Meu irmão sempre foi muito amoroso e cuidadoso com nossos pais. Casamos tivemos filhos, eles cresceram. De uns 2 anos para cá, meu irmão transformou-se totalmente, tornou-se frio, e trata minha mãe e a mim com desprezo e desdém, coisa que nunca fez. Meu pai faleceu em 2007. Fico triste, por ela que está sofrendo, quanto a mim já não me importo. Mas sofro por minha mãe. e quando vamos falar alguma coisa ele nos agride com palavras.Temos pela vida espiritual dele que agora está fazendo teologia e prega uma verdade que não vive. Ele passou por um problema de saúde, amputou um dedo, agora se vitimiliza(não sei se existe), qualquer coisa que falamos ele nos diz que não pode se aborrecer. Mas temo por minha mãe que passou por um câncer, essa tristeza pode consumi-la. E me perdoe Pastor, mas se algo acontecer, perco a minha salvação, mas jamais perdoarei meu irmão.Desculpe o desabafo.Helen

    ResponderExcluir
  3. Meu email é helenvaleria@ibest.com.br

    ResponderExcluir